• 20160830_085747.jpg
  • 20160830_085847.jpg
  • 20160830_090251.jpg
  • 20160830_090216.jpg
  • 20160830_085830.jpg

O Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação convida a todos para as defesas de mestrado e doutorado conforme dados abaixo:

Qualificação de Doutorado



Título: O conflito das imagens: documentos fotográficos e a defesa dos direitos humanos

 

Aluno(a) Laila Figueiredo Di Pietro

Data: 14/06/2017

Horário: 14h

Local: CPAI

 

 

Banca examinadora de Qualificação de Doutorado

Presidente: Prof. Dr. André Porto Ancona Lopez

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Prof. Dra. Telma Campanha de Carvalho Madio

Membro Titular: Prof. Dr. Cláudio Gottschalg Duque

Membro Suplente: Prof. Dr. André Malverdes

 

Resumo: O documento fotográfico de arquivo quando armazenado, organizado e recuperado respeitando-se suas características específicas, tanto como fotografia quanto como documento de arquivo, assume a função de prova de violações dos direitos humanos e pode ser utilizado como tal. Buscamos, por meio das reflexões conceituais, aplicadas a exemplos práticos encontrados em países latino-americanos, avaliar qual o nível de compreensão daqueles que utilizam documentos fotográficos relacionados à defesa dos direitos humanos, aqueles que são ou podem ser beneficiados por esses documentos e, também, dos profissionais da informação ou pessoas que possuem a função de guardar e organizar tais materiais. A finalidade da tese proposta, portanto, é compreender o papel fundamental que as imagens fotográficas assumiram durante as ditaduras militares e conflitos armados para definir sua função atual e futura. Ademais – e principalmente – é pensar o documento fotográfico de arquivo em sua gênese e identificar as possibilidades de organização oriundas da Arquivologia e Ciência da Informação adequadas a cada caso.

 

Palavras-chave: Arquivologia. Ciência da Informação. Direitos Humanos. Documento fotográfico.

Relatório Intermediário de Mestrado

 

Título: A prática de diagnósticos de arquivo no Brasil e sua relação com a identificação arquivística

 

Aluno(a) Marcella Mendes Gonçalves Braga

Data: 12/06/2017

Horário: 14h30

Local: sala do PPGCINF

 

Banca Examinadora de Defesa de Relatório Intermediário de Mestrado

Presidente: Prof.ª Dra. Cynthia Roncaglio, FCI/UnB

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Prof.ª Dra. Clarissa Schmidt, FCI, UFF

Membro Titular: Prof.ªDra. Angelica Marques, FCI/UnB

Membro Suplente: Prof.ª Dra. Eliane Braga de Oliveira, FCI/UnB

Relatório Intermediário de Mestrado

 

Título: USO DAS BIBLIOTECAS DIGITAIS PELOS ESTUDANTES INDÍGENAS DA UnB

 

Aluna: Julia Judith Quispe Supo

Data: 08/06

Horário: 9h

Local: a definir

Banca Examinadora:

 

Presidente: Dr. Emir José Suaiden

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Dra. Cecilia Oliveira Leite

Membro Titular: Dra. Elmira Luzia Melo Soares Simeão

Membro Suplente: Dr. Ricardo Crisafulli Rodrigues

 

 

Resumo:

O estudo visa verificar o uso das bibliotecas digitais pelos estudantes indígenas da Universidade de Brasília (UnB), é verdade que a internet revolucionou o jeito de transmitir a informação, então é necessário conhecer se os estudantes indígenas da UnB estão acessando as bibliotecas digitais da Biblioteca Central (BCE) da UnB para realizar suas atividades acadêmicas, além de se formar como professionais.

 

A questão da pesquisa é: Como os estudantes indígenas da UnB utilizam as Bibliotecas Digitais da BCE para as atividades acadêmicas?

 

O estúdio tem como objetivo geral: identificar e analisar o uso das Bibliotecas Digitais da BCE pelos estudantes indígenas da UnB. Os objetivos específicos são: Identificar os perfis acadêmicos dos estudantes indígenas da UnB. Conhecer as competências informacionais no uso das bibliotecas digitais da BCE em estudantes indígenas da UnB. Identificar se os estudantes indígenas conhecem as bibliotecas digitais da BCE. Analisar como os estudantes indígenas usam as bibliotecas digitai da UnB para as atividades acadêmicas. Identificar as dificuldades no uso das bibliotecas digitais pelos alunos de procedência indígena.

 

O tipo da pesquisa é quantitativo, descritiva – não experimental. Sob um enfoque de horizonte temporal ou transversal. Além do mais, a pesquisa e de natureza básica ou teórica.

O método de pesquisa serão o levantamento de questionários com perguntas fechadas e eventualmente entrevista aos representantes dos estudantes indígenas da UnB. A amostra abrangerá todos os estudantes indígenas da UnB, porque a população é pequena. Atualmente na UnB estudam 56 estudantes, 41 estudantes na graduação e 15 em Pós-graduação. E por fim, o tipo de amostra será não probalística – intencionais.

A análise dos dados, logo de aplicar os questionários, os dados serão processados e analisados usando o pacote de Statistical Package for the Social Sciences (SPSS) versão 22.0 e um programa para cálculos Excel 2016 para Windows XP e um computador com multimídia que permitirão obter os dados em tabulas e representações gráficas, para ser apresentado, analisado e interpretado.

 

As conclusões e recomendações se apresentara no informe final, produto da discussão dos resultados.

 

Palavras-chave: Bibliotecas digitais. Estudantes indígenas. Competência informacional. Necessidades de informação.

Defesa de Doutorado

 

Título: Competências necessárias para equipes de profissionais de preservação digital

Aluna: Sonia Araújo de Assis Boeres

Data: 19/05/2017

Horário: 14h

Local: Sala da Pós-Graduação

 

Banca Examinadora de Defesa de Doutorado

Presidente: Murilo Bastos da Cunha

Membro Titular Externo à Universidade de Brasília: Miguel Ángel Márdero Arellano

Membro Titular Externo ao PPGCINF: Humberto Celeste Innarelli

Membro Titular: Fernando William Cruz

Membro Suplente: Ivette Kafure Muñoz

 

 

Resumo:

Atualmente, além de haver muita informação disponível em meio digital, volume que vem crescendo exponencialmente, a sociedade tem depositando mais confiança nos documentos digitais. Resguardar o conteúdo disposto em variados tipos de mídias, de modo a manter essa informação disponível e acessível ao longo do tempo é o objetivo da preservação digital. Vê-se não ser tarefa fácil, daí a necessidade de profissionais e equipes competentes para atingir esta finalidade. Esta tese justifica-se no fato de estudos sobre o profissional da informação para atender demandas do mundo digital, quanto a este tipo de preservação, terem conotação atual e relevante, e serem carentes de pesquisas. Teve por objetivos analisar os documentos sobre as competências profissionais e motivações que levam à competência, sob a ótica da Psicologia organizacional e da Ciência da Informação; e identificar um conjunto básico de competências necessárias na formação de especialistas em preservação digital. O universo estudado foram os autores de trabalhos sobre preservação digital, totalizando 94 entes nacionais e 61 internacionais. Destes, 39 brasileiros e 21 estrangeiros responderam o questionário enviado e analisaram 88 variáveis, completando a pesquisa com mais três entrevistas. Para este estudo considera-se competência para preservação digital os conhecimentos, habilidades e atitudes para efetuá-la, por parte dos profissionais que desempenham quaisquer tipos de serviços que levam à preservação digital.

 

Palavras-chave:

Competências. Profissional da informação. Preservação digital. Competências profissionais.

 

Defesa de Doutorado

 

Título: A Competência em Informação (Coinfo) na perspectiva da educação inclusiva

 

Aluna:  Célia Revilândia

Data: 19/05/2017

Horário: 9h

Local: sala 120

Banca Examinadora:

 

Presidente: Dra. Elmira Luzia Melo Soares Simeão

Membro Titular Externo à Universidade de Brasília: Dra. Aida Varela Varela (UFBA)

Membro Titular Externo ao PPGCINF: Dr. Ronaldo Nunes Linhares (UNIT)

Membro Titular: Dr. Emir José Suaiden

Membro Suplente: Dr. Antônio Lisboa Carvalho de Miranda

 

 

 

Resumo:

 

Discute os desafios da sociedade da informação no que tange à promoção e garantia de uma educação inclusiva. Neste contexto, busca, nos diálogos possíveis entre a Ciência da Informação e a Educação, contribuições relacionadas tanto à inclusão quanto à atuação de docentes da Educação Básica neste cenário. Destaca a necessidade de instrumentalizar docentes, visando a, entre outros benefícios, capacitá-lo para lidar com necessidades informacionais emergentes da prática educativa, em especial quando aplicada a pessoas com deficiência. Nos pressupostos teóricos e práticos da temática Competência em Informação (CoInfo) – termo adotado para o conceito de Information Literacy – estão as contribuições para essa instrumentalização que visa a atuação de docentes da Educação Básica de redes públicas de ensino na educação inclusiva. A análise de 18 modelos de Competência em Informação desenvolvidos em contextos internacionais permitiu propor grade básica para elaboração de um modelo de CoInfo, o qual foi aplicado a professores da Educação Básica em uma escola pública do Distrito Federal. A aplicação do modelo em experiência prática de formação continuada, baseou-se nas suas três categorias finais da grade básica, nomeadamente, pré-pesquisa, pesquisa propriamente dita e pós-pesquisa. Compreendeu o desenvolvimento de duas atividades de pré-pesquisa e cinco de pesquisa propriamente dita, com um grupo de 22 docentes, dos quais, três trabalhavam com crianças com deficiência (salas de recursos). Não foram realizadas as atividades de pós-pesquisa planejadas, visto que exigiria abordagem longitudinal. Os resultados das atividades mostraram que o modelo elaborado é útil para realização de atividades de CoInfo com docentes da Educação Básica. Adicionalmente, atividades de CoInfo realizadas com docentes da Educação Básica são úteis para instrumentalização destes na busca da informação necessária à educação inclusiva. 

Palavras-chave:CoInfo. Educação Inclusiva. Inclusão. Professores. Modelos

Defesa de Mestrado

 

Título: Perfil do bibliotecário universitário: uma abordagem contemporânea sob a ótica das iniciativas formadoras de Competência em Informação (CoInfo)

 

Aluno(a) Rafael Barcelos Santos

Data: 18/04/2017

Horário: 15h

Local: Auditório

 

                      Banca Examinadora de Defesa de Dissertação de Mestrado

Presidente: Dr.ª Elmira Luzia Melo Soares Simeão

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Dr.ª Regina Célia Baptista Belluzzo

Membro Titular: Dr.ª Lillian Maria Araújo de Rezende Alvares

Membro Suplente: Dr. Antonio Lisboa Carvalho de Miranda

 

Resumo:

Abordagem ao perfil do bibliotecário universitário nas iniciativas formadoras de Competência em Informação (CoInfo), tendo como base as três dimensões de Conhecimentos, Habilidades e Atitudes. Através da revisão de literatura, apresenta as transformações do conceito de CoInfo ao longo das décadas do seu surgimento e nas perspectivas atuais da temática para a sociedade da informação, bem como realiza um estudo bibliométrico referente à dinâmica de uso dos termos empregados para representar o Movimento de Information Literacy no Brasil. Em seguida, o referencial teórico é destinado ao mapeamento, à sistematização e à descrição dos atributos das dimensões de Conhecimentos, Habilidades e Atitudes no cenário da CoInfo e das características profissionais para o bibliotecário universitário atuante nas iniciativas formadoras de usuários competentes em informação. No ambiente acadêmico, verifica que o perfil esperado para o bibliotecário universitário nas ações voltadas para a inserção e a consolidação da CoInfo é de um profissional pesquisador capaz de atuar nas redes de intercâmbio das experiências bibliotecárias, além de ser um agente mediador do aprendizado e promotor da prática de pesquisa diante do processo de apropriação das informações e de construção do conhecimento.  Para tanto, esta pesquisa identifica e analisa os atributos profissionais dos bibliotecários pesquisadores da Rede de Bibliotecas das Unidades de Pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (RBP/MCTIC) que podem contribuir para a construção e o desenvolvimento do perfil de pesquisador do bibliotecário universitário, visto que a Rede é formada por profissionais da informação especializados e altamente qualificados no que diz respeito à técnica de busca e recuperação das informações científicas e tecnológicas relevantes para o atendimento das demandas e das necessidades informacionais dos seus usuários. A abordagem metodológica desta investigação é mista, sendo desenvolvida a partir da concepção pragmática. Na técnica quantitativa, utiliza o questionário baseado na escala Likert como instrumento de pesquisa, a fim de verificar a percepção dos bibliotecários da RBP quanto aos atributos das três dimensões no contexto da CoInfo. Na técnica qualitativa de caráter exploratório, emprega o Diagrama Belluzzo® para a realização de um workshop com os bibliotecários da RBP, como forma de possibilitar a detecção de Conhecimentos, Habilidades e Atitudes necessários para um bibliotecário pesquisador no âmbito das suas três ações: individual como agente de pesquisa; de apoio para outro pesquisador ou para as equipes vinculadas a projetos de pesquisa e estratégica voltada para as diretrizes institucionais ou para as políticas de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I). Como resultado da pesquisa mista, aponta as contribuições quanto ao levantamento dos atributos das três dimensões em consonância com o desenvolvimento da CoInfo na ambiência das universidades e com a ação bibliotecária na realização e promoção da prática de pesquisa. Conclui que o perfil de pesquisador do bibliotecário universitário viabiliza o progresso nas atividades de ensino, pesquisa e extensão das universidades, alicerçado nos fatores de inovação científica e tecnológica.

 

Palavras-chave: Perfil do bibliotecário universitário. Competência em Informação. Bibliotecários pesquisadores. Rede de Bibliotecas das Unidades de Pesquisa. Profissionais da informação.  

Defesa de Doutorado

Título: Informação e política: discursos dos parlamentares e da mídia sobre a Lei de Acesso à Informação no estado do Maranhão no período de 2009 a 2014

 

Aluno(a): DIRLENE SANTOS BARROS

Data: 28/04/2017

Horário: 9h00

Local: Auditório

 

 

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado

 

Presidente: Profa. Dra. Georgete Medleg Rodrigues (UnB/PPGCINF)

Membro Titular Externo à Universidade de Brasília: Dra. Terezinha Elisabeth da Silva (Câmara dos Deputados)

Membro Titular Externo ao PPGCINF: Profa. Dra. Elen Cristina Geraldes (UnB/FAC)

Membro Titular Interno: Profa. Dra. Eliane Braga de Oliveira (UnB/PPGCINF)

Membro Titular: Prof. Dr. Renato Tarciso B. Sousa (UnB/PPGCINF)

Membro Suplente: Prof. Dr. Rodrigo Rabello (UnB/FCI)

 

Resumo:

Esta tese tem por objeto de estudo os discursos políticos e midiáticos produzidos pelos parlamentares maranhenses da Câmara dos Deputados e do Senado Federal sobre o processo de debate, votação e divulgação da Lei de Acesso à Informação no estado do Maranhão. Baseada na hipótese de que a política oligárquica do estado do Maranhão influenciou esse contexto, a pesquisa configurasse como qualitativa, de natureza descritiva e explicativa. Objetiva analisar em que medida a configuração política oligárquica do estado do Maranhão influenciou o debate, a votação e a divulgação da Lei de Acesso à Informação desde  sua tramitação até sua implementação no período de 2009 a 2014. Para tanto, realizou-se um levantamento bibliográfico e documental e o corpus analisado é norteado pela Análise de Discurso de linha francesa, a qual verificou a presença de duas categorias nos discursos políticos e midiáticos: publicidade e silêncio. Verificamos que o discurso dos parlamentares da bancada federal maranhense sobre a regulamentação do direito à informação no Brasil se traduziu em forma de silêncio contínuo refletindo a postura do governo de Roseana Sarney no Executivo Estadual. Este silêncio repercute também, no discurso midiático representado pelo Grupo Mirante (jornal O Estado do Maranhão e o portal Mirante) através da ausência de visibilidade em torno do Projeto de Lei que deu origem a Lei de Acesso à Informação, bem como a própria lei, enquanto, que os discursos veiculados pelo jornal O Imparcial tiveram maior incidência na categoria publicidade, divulgando a aludida lei não somente em âmbito nacional, como também, local, cujas condições de produção estão atreladas a diferentes regimes de discursividade. Conclui-se que embora o jornal O Imparcial tenha posto em evidência a regulamentação do direito à informação, o silêncio foi sobre a LAI foi predominante no Maranhão, o que o colocou à margem das discussões e implementação da lei. Nesse sentido, a questão central que nos conduziu a essa investigação, foi explicitada positivamente, ao percebermos que uma lei, na amplitude da LAI, não teve espaço em um cenário político informacional oligárquico como o Maranhão, pois atuaria como uma ameaça à manutenção desse poder ao criar parâmetros de validação de uma cultura de publicidade na administração pública.

 

 

Palavras-chave: Projeto Lei n.219/2003. Lei de Acesso à Informação. Discurso político – Bancada federal maranhense. Discurso midiático – Grupo Mirante. Discurso Midiático – jornal O Imparcial. Poder Executivo maranhense – Roseana Sarney (2009/2014).

Defesa de Mestrado

Título: O Processo Administrativo no âmbito do Programa de Gestão de Documentos

 

Aluno(a) Ítalo Henrique Alves

Data: 13/04/2016

Horário: 10h

Local: Sala da Pós-Graduação

 

Banca Examinadora de Defesa de Dissertação de Mestrado

Presidente: Renato Tarciso Barbosa de Sousa

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Ana Célia Rodrigues

Membro Titular: Rogério Henrique de Araújo Júnior

Membro Suplente: Eliane Braga de Oliveira

 

 

Resumo:

O processo administrativo é, se analisado pelos normativos do Direito Público, a espécie documental mais importante para a Administração Pública Federal. Ao mesmo tempo em que é perceptível sua importância, é notável a ausência de estudos arquivísticos relacionados a essa espécie. Como um documento dotado de características próprias, que se distingue dos outros documentos e que exige regras específicas para seu controle, o processo administrativo precisa ser mais bem situado dentro do Programa de Gestão de Documentos. Para estudá-lo, considerando seus caracteres específicos, esse projeto tem por objetivo a identificação dos requisitos para o tratamento técnico-científico dessa espécie, abordando a aplicação e o controle dos procedimentos específicos vinculados a ela (os procedimentos de protocolo) dentro do Programa de Gestão de Documentos. A partir dessa identificação, pretende-se contribuir no atendimento à normatização, na garantia da autenticidade e na facilitação da recuperação da informação. Trata-se de um estudo descritivo, qualitativo e prático. Esse trabalho será realizado por meio da revisão bibliográfica principalmente de obras de Arquivística (incluindo Gestão de Documentos), Diplomática e Direito Administrativo, além do estudo da legislação correlata. Os dados serão coletados por meio da análise documental de normativos sobre o assunto e serão analisados por meio da análise de conteúdo. A análise diplomática será utilizada para identificação dos aspectos relacionados à autenticidade da espécie documental e à sua gênese. Por fim, objetiva-se identificar os procedimentos aplicados ao processo administrativo dentro do Programa de Gestão de Documentos, de modo que seja possível realizar a aplicação e controle desses procedimentos, atendendo aos normativos legais, preservando a autenticidade e garantindo a recuperação da informação.

Palavras-chave: Processo Administrativo. Gestão de Documentos. Protocolo. Procedimentos de Protocolo. Diplomática.

Defesa de Mestrado

 

Título: Recuperação da Informação na Descrição de Documentos Fotográficos de Arquivo e a Possibilidade de uma Ontologia Leve: estudo de caso Digifoto.

Aluno: RODRIGO DE FREITAS NOGUEIRA

Data: 31 de março de 2017.

Horário: 14h30

Local: a definir

           Banca Examinadora de Mestrado

Presidente: Prof. Dr. Cláudio Gottschalg Duque (PPGCINF-UnB)

Membro Titular Interno ao PPGCInf: Profa. Dra. Ivette Kafure Muñoz (PPGCINF-UnB)

Membro Titular: Profa. Dra. Telma Campanha de Carvalho (UNESP, Marília)

Membro Suplente: Prof. Dr. Milton Shintaku (IBICT, Brasília)

Resumo:

A presente pesquisa busca compreender o problema da recuperação de documentos fotográficos nos arquivos, pois a análise do conteúdo informacional presente na imagem preterindo o contexto de produção tem trazido problemas para a recuperação da informação. Assim, o objetivo desta pesquisa é verificar se o uso de ontologia leve, aplicada à descrição de documentos fotográficos de arquivo, contribui para a recuperação da informação. De modo específico, compreender o papel da descrição na manutenção do contexto de produção de documentos fotográficos de arquivo, observando a dualidade contexto/conteúdo; identificando os elementos de descrição de documentos fotográficos de arquivo utilizados pelo sistema Digifoto e analisando a possibilidade de uso de uma ontologia leve na descrição de documentos fotográficos de arquivo que permita a recuperação da informação no contexto do caso do Digifoto. Dessa forma, a pesquisa se caracterizou como descritiva, e utilizou-se do método de estudo de caso para analisar o sistema Digifoto. Inserida na Ciência da Informação, buscou propor solução para o tratamento e gestão de informações orgânicas nos Arquivos, se utilizando de pesquisa bibliográfica, tabelas para análise, mapas conceituais e conceitos de ontologia como referenciais de pesquisa. Entre os resultados obtidos tem-se a validação de requisitos que permitem a aplicação dos conhecimentos de ontologia à gestão de documentos fotográficos de arquivo no sistema Digifoto, tornando-se uma possibilidade de trabalho futuro o desenvolvimento de uma ontologia para melhorar a recuperação de documentos fotográficos no sistema Digifoto.

Palavras-chave: Documento fotográfico de arquivo, descrição, ontologia, recuperação da informação.

Defesa de Doutorado

 

Título: A gestão da informação nos acervos de artes visuais em instituições públicas que integram o Sistema Financeiro Nacional

Aluna: Ana Claudia Henriques de Araujo

Data: 30/03/2017

Horário: 14h30

Local:  sala da Pós-Graduação

 

              Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado

Presidente: Prof.Dr. Emerson Dionisio Gomes de Oliveira

Membro Titular Externo à Universidade de Brasília:  Profª Drª Manuelina Maria Duarte Cândido     (UFG)

Membro Titular Externo ao PPGCINF: Profª Drª Thérèse Hofmann Gatti Rodrigues da Costa (IdA/UnB)

Membro Titular Interno: Profª Drª Dulce Maria Baptista (PPGCINF/UnB)

Membro Titular Interno: Profª Drª Ana Lúcia de Abreu Gomes (PPGCINF/UnB)

Membro Suplente: Profª Drª Luciana Sepúlveda Köptcke (Fiocruz/PPGCINF-UnB)

 

 

Resumo:

Esta pesquisa tem como objeto de estudo a gestão da informação nos acervos de artes visuais mantidos em instituições públicas que integram o Sistema Financeiro Nacional. As instituições estudadas são o Banco Central do Brasil (BCB), a Caixa Econômica Federal (CEF), Banco do Brasil (BB), Banco do Estado de Sergipe (BANESE), Banco da Amazônia, Banco do Rio Grande do Sul (Banrisul), Banco do Nordeste do Brasil (BNB), Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).  O trabalho está inserido na área de Ciência da Informação em especial no âmbito da Organização da Informação, e dos pressupostos da Informação em Arte, que é o estudo da representação do conteúdo informacional de objetos de arte. A Análise de Discurso Crítica (ADC), desenvolvida na área da Linguística e empregada em estudos da CI foi a metodologia adotada para análise dos dados para entender como os discursos institucionais representam e significam os acervos o corpus foi organizado em três dimensões: textos e documentos oficiais disponíveis em redes sociais e portais corporativos, questionários e entrevistas; e reportagens e matérias em veículos impressos e digitais. A pesquisa identifica alguns instrumentos que compõem o processo de organização da informação desses acervos, estrutura, recursos financeiros e humanos, criação de espaços expositivos, formas de disseminação da informação (catálogos, folhetos, calendários, etc.), produção de bens culturais (livros e exposições), iniciativas de ação educativa, usos acadêmicos e institucionais (empréstimos e decoração). Esta tese reúne informações sobre a gestão da informação, o contexto dos acervos, estado atual e as perspectivas de gestão da arte no âmbito das instituições financeiras oficiais brasileiras.

 

Palavras-chave: Ciência da Informação. Informação em Arte. Artes Visuais.