• 20160830_090251.jpg
  • 20160830_085847.jpg
  • 20160830_085747.jpg
  • 20160830_085830.jpg
  • 20160830_090216.jpg

O Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação convida a todos para as defesas de mestrado e doutorado conforme dados abaixo:

Relatório Intermediário de Mestrado

 

Título: Os Desafios Encontrados no Acesso à Informação Digital por Pessoas com Deficiência Visual

 

Aluna: Karolina Vieira da Silva Bastos

Data: 08/12/2016

Horário: 9h

Local: sala 120

Banca Examinadora de Defesa de Relatório Intermediário de Mestrado

Presidente: Ivette Kafure (orientador)

                              Patrícia Neves Raposo (coorientadora)

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Candice Aparecida Rodrigues Assunção

Membro Titular: Murilo Bastos da Cunha

Membro Suplente: Cláudio Gottschalg-Duque

Resumo:

A pesquisa visa avaliar a satisfação das necessidades de informação de pessoas com deficiência visual na interação com os ambientes informacionais digitais. Pesquisas nessa temática dentro do campo da Ciência da Informação como os de Corradi (2007), Caselli (2007), Malheiros (2009), Malheiros (2013) e Rocha (2013) têm demonstrando que os processos de geração, tratamento e disseminação da informação devem focar o usuário e os sistemas, permitindo a criação, de interfaces favoráveis ao acesso e ao uso de conteúdos informacionais digitais. Nesse sentido, sob o foco do usuário o estudo realizará entrevistas semiestruturas com pessoas com deficiência visual com o intuito de ampliar o conhecimento em relação as suas necessidades e as suas expectativas e saber se as informações que elas buscam no ambiente digital estão acessíveis.

Palavras-chave: Acesso à informação digital. Acessibilidade Digital. Deficiência visual. Estudos de usuários. Tecnologia assistiva

Defesa de Mestrado

 

Título: As estratégicas de comunicação organizacional no uso de sistemas de informação: estudo de caso do Sistema Único de Informações do Ministério Público Federal

 

Aluna: Allana de Albuquerque Sousa Silva

Data: 02/12/2016

Horário: 9h

Local: Sala 120

Banca Examinadora de Defesa de Dissertação de Mestrado

Presidente: Ivette Kafure

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Marta Lígia Pomim Valentim

Membro Titular: Lillian Maria Araújo de Rezende Alvares 

                        Membro Suplente: Murilo Bastos da Cunha

Resumo:

 

Avalia as estratégias de comunicação organizacional a partir do Sistema Único de Informações do Ministério Público Federal. Para o alcance desse objetivo, a pesquisa percorre os seguintes objetivos específicos: identificação do perfil do usuário da informação; caracterização do Sistema Único; descrição das atividades realizadas por membros (procuradores da República, procuradores regionais da República e subprocuradores-gerais da República) e servidores (analistas/assessores/técnicos) lotados em gabinetes; e descrição das estratégias de comunicação organizacional no uso do sistema. Esta pesquisa tem como base estudos acerca da ciência da informação, comunicação organizacional, sistemas de informação, estudos de usuários e de construção de sentido (sensemaking). É de cunho descritivo, com abordagem construtivista, de natureza aplicada. Os procedimentos metodológicos estão baseados em observação participante e na análise de registros documentais, como relatórios e mensagens constantes em canais de comunicação organizacional, além da análise de dados captados por meio do Google Analytics. Identificou-se o deslocamento da identidade do sistema de gestão de documentos para um sistema de gestão estratégica. Percebe-se que, mesmo com o sistema, o fluxo de informação não está totalmente estruturado, tendo em vista o preenchido inadequado de dados no sistema e a inconsistência estatística. Por meio da categorização das matérias publicadas no sítio do MPF, compreendeu-se que a mudança de identidade do sistema é pouco explorada na estratégia de comunicação. A mensuração do acesso a informações disponibilizadas sobre o sistema permitiu verificar que a eficácia das ações de comunicação sofre impacto decorrente da necessidade de treinamento mais contínuo frente às dificuldades no uso do sistema. Observa-se também a necessidade de maior envolvimento dos membros no uso do sistema, promovendo um fluxo de comunicação descendente mais qualificado. Reforçar o papel da liderança e sensibilizar o usuário sobre a importância do seu papel na produção de valor institucional podem se apresentar como estratégias de comunicação no uso do Sistema Único do Ministério Público Federal.

Palavras-chave: Comunicação organizacional. Estudo de usuários. Fluxos de comunicação. Fluxos de informação. Sistemas de informação. Sensemaking. Ministério Público Federal. 

 

Defesa de Doutorado

Título: As áreas de informação no Brasil: um estudo bibliométrico sobre a produção científica e características dos grupos de pesquisa.

 

Aluno: Jonathan Rosa Moreira

Data: 01/12/2016

Horário: 09h

Local: a definir

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado

Presidente: Suzana Pinheiro Machado Mueller (UnB/FCI)

Membro Titular Externo à Universidade de Brasília: Jesus Pascual Mena Chalco (UFABC)

Membro Titular Externo ao PPGCINF: Catarina Cecília Odelius (UNB/FACE)

Membro Titular Interno: Rogério Henrique Araújo Júnior (UnB/FCI)

Membro Titular: Fernando César Lima Leite (UnB/FCI)

Membro Suplente: João de Melo Maricato (UnB/FCI)

 

Resumo:

O estudo está relacionado com produção científica nas áreas de informação no Brasil (Arquivologia, Biblioteconomia, Ciência da Informação, Documentação e Museologia). Tem como foco estudar mais detalhadamente o fenômeno grupo de pesquisa, responsável por pouco mais de 1/3 de todos os trabalhos em coautoria nas áreas de informação no Brasil, sendo o segundo mais importante tipo de colaboração depois da orientação. O problema a ser estudado é decorrente da ausência de pesquisas e estudos que apresentem características da produção e dos grupos de pesquisa das áreas de informação no Brasil e de seus membros. Ou seja, tal falta de informação pode acarretar problemas, tais como a resistência de reconhecimento da área, o comprometimento à promoção da pesquisa, e a redução do incentivo e fomento à pesquisa, pois a representação do volume de publicações é critério para distribuição de recursos entre os pesquisadores. Pretende-se contribuir para o estabelecimento de políticas de pesquisa científica e apoiar processos de tomada de decisão dos gestores das agências de fomento em relação aos grupos de pesquisa nas áreas de informação no Brasil. O objetivo é obter um quadro evolutivo da produção científica e dos grupos de pesquisa das áreas de informação no Brasil cadastrados no Diretório de Grupos de Pesquisa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico de 1992 a 2012. Usa como fonte de informação dados da Plataforma Lattes do CNPq, extraídos pela aplicação ScriptLattes, que são submetidos a análise cientométrica.

Palavras-chave: Comunicação científica. Produção científica. Grupo de pesquisa. Bibliometria. Ciência da Informação. Museologia.

 

 

 

Defesa de Doutorado

Título: ARQUITETURA MULTIMODAL DA REPRESENTAÇÃO DA GEOINFORMAÇÃO: UMA PROPOSTA.

 

Aluna: Cárita da Silva Sampaio

Data: 31 de outubro de 2016

Horário: 14h30

Local: Auditório

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado

Presidente: Cláudio Gottschalg Duque

Membro Titular Externo à Universidade de Brasília: Linda Soraya Issmael

Membro Titular Externo ao PPGCINF: Paulo César Rodrigues Borges

Membro Titular Interno: Ivette Kafure Muñoz

Membro Titular: Sely Maria de Souza Costa

Membro Suplente: André Porto Ancona Lopez

Resumo:

 

A busca pela relevância é uma característica básica da cognição humana. Considerando que o intervalo entre a construção e o uso dos mapas é um processo comunicacional, profissionais das geociências podem explorar a condição da busca pela relevância para aperfeiçoar o atendimento das necessidades de diversos usuários de mapas. Esta tese fundamenta-se em debater em que medida a Teoria da Relevância e a abordagem da Multimodalidade podem contribuir para a ampliação do uso dos mapas, partindo do princípio do menor esforço e do discurso multimodal no processo comunicacional. O objetivo foi ampliar as formas de representação dos fenômenos geográficos modelados para o ambiente computacional para que os mapas atendam necessidades relevantes e, portanto, sejam mais úteis. Para alcançar este objetivo, a tese descreve um método multimodal para a representação da geoinformação, denominando-a de Arquitetura Multimodal da Geoinformação. Nas considerações finais, apresenta possibilidades de estudos futuros.

 

Qualificação de Doutorado

 

Título: Framework de Arquitetura da Informação em Ciclo de Vida de Software

Aluno: Fernando Antônio de Araújo Chacon de Albuquerque

Data: 26/10/2016

Horário: 9h30

Local: 213

Banca Examinadora de Qualificação de Tese de Doutorado

Presidente: Prof. Dr. Mamede Lima-Marques

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Dr. André Henrique de Siqueira

Membro Titular: Prof. Dr. André Porto Ancona Lopez

Membro Suplente: Profa. Dra. Fernanda de Souza Monteiro

 

 

Resumo:

A pesquisa que resultou nesta tese investigou a arquitetura da informação em ciclo de vida de software. Esta tese inclui resultado de pesquisa bibliográfica acerca de arquitetura da informação, recuperação da informação, organização da informação, representação da informação, gestão da informação, necessidades de informação de engenheiros de software, recursos de informação em ciclo de vida de software, recuperação da informação em repositórios de software, representação da informação em ciclo de vida de software. Esta tese também inclui descrição de processos para desenvolvimento e avaliação de recursos para framework de arquitetura da informação em ciclo de vida de software; descrição de recursos para framework de arquitetura da informação em ciclo de vida de software; resultados de avaliação de recursos propostos para framework de arquitetura da informação em ciclo de vida de software. Esses recursos consistem de roteiros, vocabulário controlado e esquema de metadados desenvolvidos para prover suporte à recuperação da informação em repositórios de software.

 

Palavras-chave:

Arquitetura da informação. Recuperação da informação. Organização da informação. Representação da informação. Ciclo de vida de software.

Qualificação de Doutorado

 

Título: Sistema de Informação para a Gestão das Ações de Prevenção e Combate à Corrupção na Procuradoria-Geral da União

 

Aluno: Marcio Denys Pessanha Gonçalves

Data: 21/10/2016

Horário: 14h30

Local: sala 215

Banca Examinadora de Qualificação de Tese de Doutorado

Presidente: Rogério Henrique de Araújo Júnior

Membro Titular Interno ao PPGCInf: Renato Tarciso Barbosa de Sousa

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Eduardo Amadeu Dutra Moresi

Membro Suplente: Dulce Maria Baptista

Resumo:

Trata do estudo de usuários, suas necessidades informacionais e competências necessárias relacionados à gestão das ações de prevenção e combate à corrupção em órgão jurídico da Administração Pública Federal. Tem por objetivo conceber um sistema de informação aplicado, buscando estudar os recursos humanos, os processos e os recursos de tecnologia da informação do órgão analisado, com proposta adicional de metodologia de um ciclo de inteligência aplicado. Analisa, sob o aspecto tripartite, assuntos relacionados ao Direito (aplicado à prevenção e combate à corrupção), à Tecnologia da Informação e à Ciência da Informação. A metodologia adotada priorizou os métodos mistos concomitantes (Creswell, 2010), com foco na estratégia qualitativa. Dados sobre as características das atividades e a gestão das ações de prevenção e combate à corrupção foram coletados em entrevistas com membros do órgão, pertencentes ao grupo especializado na temática. O problema tratado foi a identificação das necessidades informacionais e competências necessárias para a concepção de um sistema de informação capaz de promover a gestão das ações de prevenção e combate à corrupção da Procuradoria-Geral da União. A pesquisa visou identificar a estrutura organizacional da PGU e de órgãos congêneres que lidam com essa temática, a cultura de organização da informação do órgão e as técnicas e ferramentas informacionais e computacionais que podem ser aplicadas à gestão dos dados e informações relacionados à prevenção e combate à corrupção.

 

Palavras-chave: Sistema de informação; Prevenção e combate; Corrupção; Necessidades informacionais; Competências.

 

 

 

 

Relatório Intermediário de Mestrado

 

Título: O Processo Administrativo no âmbito do Programa de Gestão de Documentos

 

Aluno: Ítalo Henrique Alves

Data: 19/10/2016

Horário: 9h

Local: 213

Banca Examinadora de Defesa de Relatório Intermediário de Mestrado

Presidente: Renato Tarciso Barbosa de Sousa

Membro Titular Externo ao PPGCINF: Ana Célia Rodrigues

Membro Titular Interno: Eliane Braga de Oliveira

Membro Suplente: Rogério Henrique de Araújo Júnior

Resumo:

 

Resumo:

O Processo Administrativo, é, se analisado pelos normativos do Direito Público, a espécie documental mais importante para a Administração Pública Federal. Sua escolha como espécie responsável por tratar de assuntos críticos ou complexos é resultado de um processo histórico que envolve a formação do Estado brasileiro. Ao mesmo tempo em que pe perceptível sua importância, é notável a ausência de estudos arquivísticos relacionados a essa espécie. Como um documento dotado de características próprias, que se distingue dos outros documentos e que exige regras próprias para seu controle, o Processo Administrativo precisa ser mais bem situado dentro do Programa de Gestão de Documentos. Para estudá-lo considerando seus caracteres específicos, esse projeto tem por objetivo a definição de um modelo para o tratamento técnico - cientifico dessa espécie, abordando aplicação e o controle dos procedimentos vinculados a ela (os procedimentos de protocolo), dentro do Programa de Gestão de Documentos. A partir desse modelo, pretende-se contribuir no atendimento à normatização, na garantia da autenticidade e na facilitação da recuperação da Informação. Trata-se de um estudo descritivo, qualitativo e prático. Esse trabalho será realizado por meio da revisão bibliográfica das áreas de História Administrativa do Estado Brasileiro, Arquivística ( incluindo Gestão de Documentos), Diplomática e Direito Administrativo. Os dados serão coletados por meio da Análise Documentária de normativos sobre o assunto e serão analisados por meio de Análise de Conteúdo. Análise Diplomática será utilizada para estruturação dos dados identificados e para definição de critérios relacionados à autenticidade da espécie documental. Por fim, objetiva-se  identificar os procedimentos aplicados ao Processo Administrativo dentro do Programa de Gestão de Documentos, de modo que seja possível realizar a aplicação e controle desse procedimentos, atendendo aos normativos legais, preservando a autenticidade e garantindo a recuperação da informação.

Palavras-chave: Processo Administrativo, Gestão de Documentos, Protocolo, Procedimentos de Protocolo, Diplomática. 

 

 

 

 

 

Qualificação de Doutorado

 

Título: COMUNICAÇÃO DE DADOS DE PESQUISA SOBRE O ZIKA VÍRUS E AS DOENÇAS NEGLIGENCIADAS.

 

Aluna: Michelli Pereira da Costa

Data: 22 de setembro de 2016

Horário: 9h

Local: Sala 120

 

Banca Examinadora de Qualificação de Doutorado

 

Presidente: Fernando César Lima Leite (UnB/PPGCINF)

Membro Titular Externo ao PPGCInf:  Sely Maria de Souza Costa (UnB/PPGCINF)

Membro Titular: Patrícia Rocha Bello Bertin (Embrapa)

Membro Suplente: Fernanda Passini Moreno (UnB/PPGCINF)

Resumo:

 

O estudo tem por objetivo analisar os fatores que exercem influência na comunicação dos dados de pesquisa sobre as doenças causadas pelo Zika vírus e as doenças negligenciadas. A discussão será fundamentada em perspectivas teóricas da ciência da informação, em modelos de comunicação científica que tratam dos dados de pesquisa, do contexto teórico em que se insere a discussão a respeito das doenças negligenciadas bem como dos princípios relacionados à comunicação dos dados de pesquisa. A pesquisa é de natureza qualitativa e pressuposto filosófico ontológico. Para a coleta e análise de dados serão utilizadas as estratégias relacionadas à Revisão Sistematizada da Literatura e da Teoria Fundamentada

Qualificação de Doutorado


Título: Expologia, história das exposições e musealização: a importância da documentação sobre exposições em museus de arte moderna criados na primeira metade do século XX.

 

Aluna: Monique Batista Magaldi
Data: 19 de setembro de 2016
Horário: 14h30
Local: Sala 120

 

Banca Examinadora de Qualificação de Doutorado

Presidente: Emerson Dionísio Gomes de Oliveira (UnB/PPGCINF)
Membro Titular Externo ao PPGCInf: Ana Elisabet de Almeida Medeiros (UnB/FAU/THA)
Membro Titular: Ana Lúcia de Abreu Gomes (FCI/PPGCINF)
Membro Suplente: Nelson Fernando Inocêncio da Silva (UnB/IdA/VIS)

Resumo:

A pesquisa propõe compreender a contribuição da documentação sobre exposições para estudos em Expologia e história das exposições, a partir da documentação resultante de experiências de releitura de exposições realizadas em museus brasileiros de arte, criados na primeira metade do século XX. Os documentos originados das exposições são considerados como sendo relevantes para o histórico institucional, podem ser projetos, relatórios e/ ou dossiês, impressos e digitais, de diferentes setores envolvidos; cartas impressas e correios eletrônicos; lista de acervos selecionados e expostos; fotografias e filmagens do acervo e das salas da exposição; planta-baixa; filmagens com registros de pesquisas; falas dos curadores envolvidos e convidados para refletir sobre as atividades desenvolvidas (pelos setores de curadoria, educativo, pesquisa, entre outros); Atas; clippings; entre outros documentos. Os referidos documentos tanto podem ser documentados nos arquivos, bibliotecas, setores de documentação de acervo museológico, setor de expografia e/ou pesquisa. Em alguns museus, a documentação é dividida em diferentes setores. Enquanto patrimônio efêmero nos museus, a documentação sobre exposições poderia ser compreendida como parte do processo de musealização, enquanto patrimônio musealizado, mas que pode ser processada tanto nos arquivos quanto em bibliotecas e setores de documentação museológica existentes nos museus de arte, sendo, assim, um tema de interesse tanto para a Arquivologia quanto para Biblioteconomia e Museologia. Estudos desenvolvidos até o momento sobre o tema relacionam a referida documentação à história das exposições e dos museus de arte. A Expologia seria um conceito pouco difundido no Brasil, aparecendo ora como campo autônomo, ora como uma subárea da Museologia e que trataria sobre a teoria das exposições. Deste modo, acredita-se que a referida documentação é uma importante fonte de reflexão para o campo da Ciência da Informação e da Museologia. O objetivo é analisar a importância da documentação sobre exposições em museus de arte moderna para estudos em Expologia, enquanto subárea da Museologia. O resultado esperado é apresentar contribuições teórico-conceituais a partir de recorte temporal e temático, baseado na documentação de exposições desenvolvidas a partir de releituras, realizadas entre 2006 e 2016, de exposições em museus brasileiros de arte criados na primeira metade do século XX, existentes no eixo Rio-São Paulo: Pinacoteca do Estado de São Paulo, criado em 1905, Museu Nacional de Belas Artes (MNBA), criado em 1937, Museu de Arte de São Paulo (MASP), de 1947, Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM/SP) e Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM/RJ), ambos fundados em 1948.

 

Banca de Defesa de Tese de Doutorado - Um Modelo Híbrido de Recuperação de Informação e Conhecimento Baseado na Síntese de Mapas Conceituais Obtidos por Operações de Transformação de Redes Complexas Orientadas por Busca de Relacionamentos entre Termos de Consulta em Bases de Dados Ligados


Aluno: Henrique Monteiro Cristovão
Data: 12/08/2016
Horário: 14h30
Local: Sala da Pós-graduação



Presidente: Prof. Dr. Jorge Henrique Cabral Fernandes? PPGCINF/UnB
Membro Titular Externo à Universidade de Brasilia: Prof. Dr. Alberto J. Cafias - Florida
Institute for Human & Machine Cognition (IHMC), Pensacola - FL- USA
Membro Titular Externo ao PPGCINF: Prof. 2 Dra. Fernanda Lima - CIC/UnB
Membro Titular Interno: Prof. Dr. Rogério Henrique de Araújo
Membro Titular: Prof. Dr. Ricardo Barros Sampaio ? PPGCINF/UnB
Membro Suplente: Prof. Dr. Fernando William Cruz ? FGA/UnB Gama




Resumo: Investiga e desenvolve um modelo de recuperação da informação e conhecimento em bases de dados ligados, baseado na transformação de redes complexas obtidas a partir busca por relacionamentos entre os termos de uma consulta formulada pelo usuário. Os relacionamentos derivados dos termos originais da consulta são obtidos a partir de buscas em uma base de dados ligados (linked data), gerando uma cadeia de transformações sobre redes de triplas RDF, baseadas em métricas de análise de redes complexas. A pesquisa é exploratória, buscando de forma simultânea o desenvolvimento de formulações
teóricas sobre sistemas de recuperação da informação, o estudo de suas implicações práticas do ponto de vista das tecnologias atualmente disponíveis, e a coleta de dados empíricos decorrentes de seguidas iterações de modelagem, implementação e teste de protótipos de um sistema computacional. Operações de análise de redes complexas foram usadas para ranqueamento e seleção de informações recuperadas, que depois retroalimentam novas buscas para expansão da rede de informação. Por intermédio do protótipo implementado, o modelo foi validado com um grupo de dezessete usuários potenciais. 0 grau de satisfação com os resultados sugere qualitativamente que o modelo possui boa precisão e revocação. Foram de grande relevância as iteradas operações de transformação das redes na retroalimentação do modelo. Há indícios da necessidade de maiores bases de conhecimento. A rede final é mapeada em um mapa conceitual, e o modelo desenvolvido foi analisado à luz da equação fundamental da Ciência da Informação de Brookes e da aprendizagem significativa de Ausubel. A natureza interdisciplinar do modelo permitiu explorar de forma diferenciada e original a recuperação de informação e conhecimento em bases de dados ligados, apontando relevância de investigações futuras. 0 resultado culminou no desenvolvimento de um modelo híbrido de recuperação de informação e conhecimento que é simultaneamente fundamentado nos três paradigmas correntes da Ciência da Informação: físico, cognitivo e social.