• 20160830_090216.jpg
  • 20160830_085847.jpg
  • 20160830_085747.jpg
  • 20160830_085830.jpg
  • 20160830_090251.jpg

O Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação convida a todos para as defesas de mestrado e doutorado conforme dados abaixo:

Banca examinadora de relatório intermediário de dissertação de mestrado do(a) aluno(a) Ana Maria de Almeida Ribeiro 

Título: A lei de acesso à informação e a organização da informação na empresa brasileira de correios e telégrafos (ECT)

 

Data: 29/08/2016

Horário: 10:30h

Local: A definir

 

Banca Examinadora de Relatório Intermediário de Mestrado

Presidente: Eliane Braga de Oliveira

 Membro Titular Externo ao PPGCInf: José Maria Jardim

Membro Titular: Georgete Medleg Rodrigues

Membro Suplente: Renato Tarciso Barbosa de Sousa

 

 

 

Resumo: Análise da implantação da Lei de Acesso à Informação e da organização da informação no âmbito da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. Pretende-se analisar o Estado brasileiro, a partir do período da Ditadura Militar (1964-1985) chegando aos três primeiros anos de implantação da Lei de Acesso à Informação (2012-2015) na empresa. Identificaremos a política de gestão da informação e o cumprimento da Lei de Acesso à Informação. Diante deste diagnóstico, e sob o ponto de vista do materialismo histórico, apresentaremos elementos que identificam o compromisso social de práticas e saberes da Ciência da Informação, a importância do seu desenvolvimento vinculada à sociedade que lhe cerca, destacando a LAI, como instrumento de democratização do Estado e da necessidade de uma organização da informação nos Correios para uma gestão democrática. Caracteriza-se como uma pesquisa aplicada de caráter descritivo com uma abordagem qualitativa. As técnicas para coleta de dados serão a pesquisa bibliográfica, a análise dos pedidos de informação registrados no Sistema de Informação ao Cidadão (e-SIC), documentação e questionários. Os resultados esperados são a identificação de como, e de que forma, a organização da informação nos Correios poderá assegurar o cumprimento da Lei de Acesso à Informação e, com isso, a transparência pública.

 

 

Palavras-chave: Lei de Acesso à Informação. Organização da Informação. Empresa Estatal. Correios.

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado do(a) aluno(a) Rosa da Penha Ferreira da Costa,

 

Título: A História do Arquivo Geral da Universidade Federal do Espírito Santo: Um Estudo de Caso

Data: 29/06/2016

Horário: 9:30h

Local: Ufes (Vitória – ES)

 

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado:

Presidente: Profᵃ Drᵃ Dulcinea Sarmento Rosemberg

Membro Titular externo à UnB: Prof. Dr. Aparecido José Cirillo

Membro Titular externo à UnB: Prof. Dr. Pedro Ernesto Fagundes

Membro Titular interno: Profᵃ Drᵃ Georgete Medleg Rodrigues

Membro Titular interno:  Profᵃ Drᵃ Eliane Braga de Oliveira

Membro suplente: Profᵃ Drᵃ Elmira Luzia Melo Soares Simeão

 

 

Resumo: Reconstitui a história do Arquivo Geral da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) por meio de documentos em suporte papel e relatos orais. Especificamente, são delineados como objetivos específicos: caracterizar a cronologia espaço-temporal da história do Arquivo Geral; definir a sua origem institucional; descrever o processo de tratamento técnico do acervo ao longo de sua trajetória; identificar o grau de preservação do acervo no decorrer de sua história. Realizou-se quanto aos objetivos um estudo exploratório-descritivo e quanto aos procedimentos técnicos de coleta de dados adotou-se o estudo de caso concretizado mediante grupo focal e pesquisa documental. A Universidade foi federalizada em 1962, originando a Ufes, porém, o Arquivo Geral não constituído concomitantemente, uma vez que os documentos gerados até este período foram alocados nas respectivas faculdades isoladas reunidas em uma estrutura denominada Centro Universitário. Conclui-se que o Arquivo Geral conforme os princípios arquivísticos tornou-se uma preocupação da gestão universitária somente a partir de 1992, resultando na definição de sua Política de Arquivos tardiamente, ou seja, um fato que ocorreu em 2008.

 

 

 

Palavras-chave: Universidade Federal do Espírito Santo. 2. Arquivo Geral. História. Sistema de Arquivos da Ufes. Política de arquivos universitários. 

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado do(a) aluno(a) Ana Claudia Borges Campos,

Título: GESTÃO DA INFORMAÇÃO: UMA ANÁLISE ERGOLÓGICA DA ATIVIDADE DO BIBLIOTECÁRIO GESTOR

 

Data: 28/06/2016

Horário: 9:30h

Local: Ufes (Vitória – ES)

 

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado:

Presidente: Profª Drª Dulcinea Sarmento Rosemberg (PPGCINF/UnB)

Membro Titular Interno: Profª Drª Lillian Maria Araújo de Rezende Alvares (PPGCINF/UnB)

Membro Titular Interno: Profª Drª Elmira Luzia Melo Soares Simeão (PPGCINF/UnB)

Membro Titular Externo à UnB: Profª Drª Susane Petinelli Souza (PGDAM/UFES/ES)

Membro Titular externo à UnB: Profº Drº Gelson Silva Junquilho (PGDAM/UFES/ES)

Membro Suplente: Profº Drº Rogério Henrique de Araújo Jr. (PPGCINF/UnB)

 

 

Resumo: Trata-se de tese de doutorado que tem como ojetivo geral submeter à análise coletiva a atividade de Gestão da Informação (GI) por bibliotecários-gestores na perspectiva ergológica. Como objetivos específicos foram propostos os seguintes: debater os conteúdos curriculares necessários à formação de bibliotecários-gestores tomando como parâmetros as experiências vivenciadas por eles e a matriz curricular do Curso de Biblioteconomia da Ufes; caracterizar as competências (conhecimentos, habilidades e atitudes) que compõem a atividade de GI na percepção dos gestores de informação; entender como os bibliotecários-gestores articulam e aplicam os conteúdos curriculares em suas atividades diárias. Adotou-se a abordagem teórico-metodológica a Ergologia, cujo método foi desenvolvido por meio do Groupe de Rencontre du Travail (GRT) de Pierre Triquet, realizando seis encontros com bibliotecários, docentes e alunos de Biblioteconomia. Verificou-se que o processo de GI foi entendido pelo grupo na esfera do planejamento, dispensando-se uma análise sobre as demais tarefas que a compõem, a organização, a direção e o controle. As participantes, especialmente nas instituições públicas, foram reticentes em relação ao conjunto das tarefas que devem ser desenvolvidas por um gestor de informação. Isso ocorreu, talvez, pelo fato de não ocuparem formalmente o cargo de gestoras de informação.

 

 

Palavras-chave: Atividade de trabalho. Gestão da informação. Bibliotecário. Ergologia.

Banca Examinadora de Defesa de Relatório Intermediário de Dissertação de Mestrado do(a) aluno(a) Vinicius Carvalho Pereira,

 

Título: Curiouser Lab: O Tombamento da Caixa d’água da Ceilândia/DF: política pública de proteção aos bens culturais  e Ciência da Informação.

 

Data: 06/07/2016

Horário: 14:30h

Local: A definir

Banca Examinadora de Defesa de Relatório Intermediário de Dissertação de Mestrado:

Presidente: Prof.ª  Dr.ª Ana Lúcia de Abreu Gomes (PPGCinf)

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Prof.ª Dr.ª Ana Elisabete de Almeida Medeiros (FAU/UnB)

Membro Titular: Prof.ª  Dr.ª Luciana Sepúlveda Köptche (PPGCinf)

Membro Suplente: Prof.  Dr. Breitner Luiz Tavares (FCE/UnB)

 

 

 

Resumo: O objetivo da pesquisa é avaliar as possibilidades de relação entre a instrução de processos administrativos de tombamento de um bem imóvel integrado, no caso, a caixa d’água da Ceilândia/DF, e os fundamentos da Ciência da Informação, mais especificamente no que se refere à organização da informação. Para tal, primeiramente apresentamos, de forma breve, um pouco do histórico da Ciência da Informação, nos detendo na  relação documento/monumento. Em seguida, discutiremos a estrutura dos processos administrativos, destacando aqueles de tombamento de bens culturais e sua guarda permanente. Por fim, apresentaremos o processo administrativo de tombamento da Caixa d’água da Ceilândia/DF em 2013. O objetivo  é discutir a política pública de proteção aos bens culturais, por meio da instrução dos processos de tombamento  no que tange a organização da informação.

 

 

 

Palavras-chave: Processos Administrativos – Tombamento – Ciência da Informação – Ceilândia – Caixa d’água da Ceilândia.

Banca Examinadora de Defesa de Relatório Intermediário de Dissertação de Mestrado do(a) aluno(a) Sâmara Roberta de Sousa Castro

 

Título: A representação da informação jurídica em meio eletrônico: um estudo de caso sobre o LexML Brasil.

 

Data: 27/06/2016

Horário: 14:30h

Local: A definir

Banca Examinadora de Defesa de Relatório Intermediário de Dissertação de Mestrado:

Presidente: Fernanda Passini Moreno

Membro Titular Interno ao PPGCInf: Renato Tarciso Barbosa de Sousa

Membro Titular: João Alberto de Oliveira Lima

Membro Suplente: Fernando César Lima Leite

 

 

 

Resumo: No campo da Ciência da Informação, a Representação da Informação é uma área da Organização da Informação que atua diretamente com os fatores relacionados à representação descritiva e de conteúdo da informação registrada.  Esta pesquisa aborda os aspectos da representação da informação presentes no ambiente da organização da informação jurídica em meio eletrônico.  O seu objetivo geral é analisar os padrões de Representação da Informação presentes na informação jurídica em meio eletrônico, para isto, utiliza como objeto de estudo o Portal LexML Brasil. Apresenta, por meio de revisão de literatura, os conceitos acerca da Representação da Informação, bibliotecas digitais, metadados, linguagem de marcação XML e a informação jurídica em meio eletrônico no contexto nacional e internacional. Caracterizada como pesquisa qualitativa e descritiva de natureza básica, se reporta ao cenário conceitual dos padrões, dos objetivos e dos princípios bibliográficos advindos da área de Representação da Informação para a construção de categorias que serão utilizadas na análise dos registros que tratam dos documentos legislativos no Portal LexML Brasil. 

Palavras-chave: Organização da informação. Representação da Informação. Informação Jurídica

 

Banca examinadora de Qualificação de Doutorado do(a) aluno(a) Paulo Hideo Ohtoshi

 

Título: Uma Proposta de um Modelo para o Estudo do Comportamento Informacional de Profissionais de Segurança da Informação

 

Data: 27/06/2016

Horário: 15h

Local: Sala da Pós

 

Banca examinadora de Qualificação de Doutorado:

Presidente: Cláudio Gottschalg-Duque

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Márcio de Carvalho Victorino

Membro Titular: Dulce Maria Baptista

Membro Suplente: André Porto Ancona Lopez

 

 

 

 

Resumo: Um estudo de usuários feito com base nos modelos existentes na literatura demonstra a inexistência de um modelo integrativo que capture os aspectos relacionados ao comportamento informacional de profissionais de segurança da informação e criptografia. Esta pesquisa objetiva propor um modelo gráfico usando mapas conceituais para o estudo do comportamento informacional que integre características de vários modelos existentes de forma a adaptá-lo à análise dessa categoria de profissionais. A pesquisa, de natureza qualitativa, utiliza a técnica do incidente crítico para coletar dados sobre esses profissionais.

 

 

Palavras-chave: Comportamento Informacional, Criptografia, Estudos de Usuários, Segurança da Informação.

 

Banca examinadora de defesa de tese de doutorado do(a) aluno(a) Mac Amaral Cartaxo,

 

Título: A contribuição da Arquitetura da Informação para Gestão do Conhecimento

 

Data: 29/06/2016

Horário: 14:30h

Local: Auditório

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado

Presidente: Prof. Dr. Claudio Gottschalg Duque

Membro Titular Externo à UnB: Prof. Dr Paulo César Rodrigues Borges

Membro Titular Externo ao PPGCINF: Prof. Dr . Alexandre Laval Silva

Membro Titular Interno: Profa-Dra. Dulce Maria Baptista

Membro Titular: Prof. Dr Flavio Augusto Corrêa Basílio

Membro Suplente: Prof. Dr. André Porto Ancona Lopez

 

 

 

 

Resumo: O objetivo central deste trabalho foi analisar a contribuição da arquitetura da informação para complementação das melhores práticas de gestão do conhecimento com a intenção de agregar ao modelo os conceitos, pressupostos, princípios e fundamentos da arquitetura da informação. Para tanto foram realizados estudos sobre a relação da ciência da informação, arquitetura da informação, gestão do conhecimento, gestão de processos e o modelo de melhores práticas de gerenciamento de processos de negócio (BPM CBOK). A proposta preliminar foi submetida à apreciação de especialistas em arquitetura da informação e gestores de processos, por meio de grupo focal com o propósito de avaliar a contribuição da arquitetura da informação para esse modelo e efetiva gestão do conhecimento no ambiente organizacional. Obteve-se após a discussão e validação do grupo focal, uma proposta de Arquitetura da Informação que apresenta um fluxo de atividades, atores e artefatos que para a melhor utilização das práticas de gerenciamento de processos de negócio contemplando a gestão do conhecimento, sob a luz dos conceitos da Arquitetura da Informação permeando aspectos das abordagens da Multimodalidade e da Teoria da Relevância.

 

 

 

Palavras-chave: Arquitetura da Informação. Gestão do Conhecimento. Gerenciamento de Processos de Negócio. Teoria da Relevância

 

Banca examinadora de defesa de tese de doutorado do(a) aluno(a) Leila Alves Medeiros Ribeiro,

 

Título: Curiouser Lab: Uma experiência de Letramento Informacional e Midiático na Educação

 

Data: 30/06/2016

Horário: 13h

Local: A definir

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado

Presidente: Dra. Kelley Cristine Gonçalves Dias Gasque

Membro Titular Externo à UnB: Dra. Martha Carrer Cruz Gabriel

Membro Titular Externo ao PPGCINF: Dr. Gilberto Lacerda Santos

Membro Titular Interno: Dra. Elmira Luzia Melo Soares Simeão

Membro Titular: Dr. André Porto Ancona Lopez

Membro Suplente: Dr. Antônio Lisboa Carvalho de Miranda

 

 

 

 

Resumo: A sociedade tem transitado por mudanças constantes em sua estrutura desde que passou a agir em sistema de rede conectado digitalmente. A transformação sistêmica (e não só tecnológica) alterou os processos organizacionais das esferas sociais e, claro, na área da educação isso não seria diferente. Esta investigação científica, portanto, objetivou desenvolver um curso de Letramento Informacional e Midiático (LIM) para formação continuada de professores atuantes na Educação Básica, que foi construído alicerçado nas abordagens de Design Thinking para Educadores e no Experience Learning. Os conteúdos foram desenvolvidos com estratégias do Movimento Maker e do aprender fazendo, com base em princípios e iniciativas inovadoras, criativas e disruptivas na educação, tais como o ensino híbrido (sala de aula invertida) e a gamificação. Esta pesquisa qualitativa utilizou, para tanto, o paradigma sistêmico, por meio da pesquisa-ação e de instrumentos, tais como entrevista semiestruturada em grupo, atividades-desafio, grupo de coaching e mentoria online, entre outros. O propósito foi apontar para a importância e para a eficiência do LIM na educação docente e seus efeitos em sala de aula, assim como objetivou abordar a educação inserida no contexto do século XXI, o qual exige certo letramento sobre os fluxos informacionais e midiáticos, sobre criatividade e inovação nas práticas sociais, econômicas e culturais na sociedade em rede. O Letramento Informacional e Midiático se mostrou como campo de estudos que se relaciona  com o processo de aprendizagem, especialmente no que tange a questões fortemente atitudinais de melhoria nos processos informacionais nas mais variadas mídias e de subsequente transformação destes em conhecimentos necessários para agir nas tomadas de decisão. Nessa perspectiva, o LIM apresentou-se como fundamento basilar para os educadores modificarem o processo educacional tradicional para o modelo mais contemporâneo ao transpassarem com eficácia o caminho de transformação mandatória da sociedade em rede distribuída de informações, cuja trilha é cheia de esperanças, incertezas, perigos e opções que implicam novos processos de aprendizagem e de educação, a partir do uso intencional e consciente da informação e da mídia.

 

 

 

Palavras-chave: Letramento Informacional. Letramento Midiático. Formação continuada de professores. Inovação e Criatividade.

 

Banca examinadora de defesa de tese de doutorado do(a) aluno(a) José Leonardo Oliveira Lima.

 

Título: Estudo das necessidades de informação de docentes no processo de avaliação discente em cursos de graduação a distância mediados por Ambientes Virtuais de Aprendizagem 

Data: 17/06/2016

Horário: 14:30h

Local: Auditório FCI

 

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado

Presidente: Profa. Dra. Miriam Paula Manini, FCI/UnB

Membro Titular Interno ao PPGCInf: Profa. Dra. Lillian M. A. Álvares, FCI/UnB

Membro Titular Interno ao PPGCInf: Profa. Dra. Dulce Maria Baptista, FCI/UnB

Membro Titular Externo: Profa. Dra. Nara Maria Pimentel, FE/UnB

Membro Titular Externo: Profa. Dra. Mirza Seabra Toschi, UEG

Membro Suplente: Profa. Dra. Ivette Kafure Muñoz, FCI/UnB 

 

 

Resumo: A pesquisa propõe identificar e sintetizar as necessidades de informação na avaliação de estudantes na graduação a distância, ofertados por intermédio de Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs), a partir da perspectiva do usuário da informação: o docente. A pesquisa é exploratória e de caráter qualitativo, cujo processo contempla: - levantamento exploratório, com visita em algumas das pioneiras Instituições de Educação Superior a Distância Europeias e entrevistas com técnicos e especialistas em EaD, para compreensão do contexto e estado da arte da avaliação no referido continente; - entrevistas abertas feitas com especialistas brasileiros em educação superior a distância, utilizando o método da Análise de Conteúdo Qualitativa para o tratamento dos dados. O resultado final da pesquisa tem como relevância, dentre outras: - favorecer a visualização de como a realidade brasileira se apresenta em relação às instituições pioneiras de EaD, nos processos de avaliação; - servir de subsídio para a proposição e desenvolvimento de futuros Sistemas de Apoio a Tomada de Decisão em Avaliação integrados aos AVAs, para rastreamento e síntese das diversas informações dispersas contidas no AVA e no seu contexto (o ambiente da Internet) que possam ser úteis ao docente na atividade de avaliação do estudante; - auxiliar na problematização e norteamento de futuros processos de qualificação de docentes para atuação na graduação a distância, englobando os elementos relevantes do processo da avaliação de estudantes integrados às tecnologias usadas na EaD. 

 

Palavras-chave: Ambiente virtual de aprendizagem. Educação a superior a distância. Avaliação. Necessidades de informação.

Banca examinadora de defesa de tese de doutorado do(a) aluno(a) Lívia Ferreira de Carvalho,

 

Título: Análise da formação continuada em letramento informacional na modalidade EAD para o desenvolvimento de competências informacionais por professores e bibliotecários

 

Data: 21/03/2016

Horário: 14h

Local: auditório FCI

 

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado

Presidente: Prof.ª Dr.ª Kelley Cristine Gonçalves Dias Gasque

Membro Titular : Helen Castro Silva Casarin

Membro Titular: Solange Alfinito

Membro Titular : André Porto Ancona Lopez

Membro Titular: Elmira Simeão

Membro Suplente: Rosemeire Barbosa Tavares

 

 

 

Resumo: A pesquisa buscou identificar os elementos da formação continuada em Letramento Informacional ofertada à distância que podem impactar no desenvolvimento de competências informacionais de professores e bibliotecários. Para tanto utilizou como base empírica o curso de especialização Letramento Informacional: educação para a informação ofertado pela Universidade Federal de Goiás na modalidade EAD. Utilizou como metodologia para a coleta dos dados as abordagens quanti e qualitativa, e como técnicas a análise de conteúdo e aplicação de questionário. O questionário foi aplicado aos estudantes do curso a fim de avaliá-lo e a análise de conteúdo contemplou atividades desenvolvidas por eles a fim de identificar a competência informacional nas dimensões ética, estética, técnica e política. Também foram analisados o projeto político pedagógico e o ambiente virtual de aprendizagem do curso, a fim de identificar elementos relevantes para a aprendizagem. Conclui-se que os elementos material didático, docentes, tutores, estratégias de ensino, metodologias de avaliação e o ambiente virtual de aprendizagem interferem decisivamente na qualidade de um curso EAD e, portanto, devem ser planejados de acordo com essas especificidades. Além disso, percebe-se que para trabalhar as dimensões da competência informacional de forma mais efetiva, é fundamental que as tarefas sejam direcionadas à capacidade de aplicação prática do conhecimento adquirido, necessitando assim da utilização de metodologias de avaliação da aprendizagem mais interativas e inovadoras.

 

 

Palavras-chave: Letramento Informacional. Competência Informacional. Formação continuada. Professores. Bibliotecários. Educação a distância. EAD.