• 20160830_085847.jpg
  • 20160830_085747.jpg
  • 20160830_085830.jpg
  • 20160830_090216.jpg
  • 20160830_090251.jpg

O Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação convida a todos para as defesas de mestrado e doutorado conforme dados abaixo:

Banca examinadora de defesa de tese de doutorado do (a) aluno(a) Marília Augusta de Freitas

 

Título: DIRETRIZES PARA O DEPÓSITO DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA EM REPOSITÓRIOS INSTITUCIONAIS

 

Data: 24/11/2015

Horário: 9h

Local:

 

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado

Presidente: Prof. Dr. Fernando César Lima Leite

Membro Titular: Prof.ª Dr.ª Patrícia Rocha Bello Bertin

Membro Titular: Prof.ª Dr.ª Bianca Amaro de Melo

Membro Titular: Prof.ª Dr.ª Lillian Maria Araújo Rezende Álvares

Membro Titular: Prof.ª Dr.ª Sely Maria de Souza Costa

Membro Suplente: Prof.ª Dr.ª Fernanda Passini Moreno

 

 

Resumo: Os Repositórios Institucionais (RI) de acesso aberto surgiram com o propósito de proporcionar maior visibilidade e a preservação da produção científica de determinada instituição. As principais práticas de povoamento de um RI são o depósito feito pelo próprio autor, ou mediado pelas bibliotecas. Neste contexto, este trabalho se propõe a discutir os fatores que estimulam ou inibem o depósito da produção científica em RIs de acesso aberto, com o objetivo de propor diretrizes para o depósito da produção científica em repositórios institucionais. Do ponto de vista metodológico, é um estudo de abordagem qualitativa descritiva. Os dados foram coletados por meio de entrevistas semiestuturadas e, em seguida, submetidos à análise utilizando princípios da Metodologia de Sistemas Flexíveis. O universo da pesquisa foi constituído pelos atores que compõe o sistema de comunicação científica. Como principal resultado da investigação apresenta-se duas interações representadas através de uma Rich Picture: os fatores que motivam e inibem do ponto de vista de cada ator entrevistado e a influência que o pesquisador sofre dos demais atores. A partir das questões centrais identificadas nas percepções dos atores entrevistados foi possível criar uma validação para a construção das diretrizes

Banca examinadora de defesa de qualificação de tese de doutorado do aluno Paulo Roberto Danelon Lopes

 

Título: A Inteligibilidade das informações disponibilizadas pelo sistema bancário de gestão direta do governo brasileiro nas ações direcionadas para o bem comum da sociedade

 

Data: 04 de dezembro de 2015

Horário: 9H

Local: auditório FCI

 

Composição da Banca:

Presidente: Prof. Dr. Rogério Henrique de Araújo Júnior

Membro Titular: Prof.ª Dr.ª Georgete Medleg Rodrigues

Membro Titular: Prof. Dr. Rafael Timóteo de Sousa Júnior

Membro Suplente: Prof.ª Dr.ª Eliane Braga de Oliveira

 

Banca examinadora de Qualificação de doutorado do aluno CARLOS HENRIQUE JUVÊNCIO

 

Título: MANOEL CÍCERO PEREGRINO DA SILVA E A DOCUMENTAÇÃO NO BRASIL: Gênese e ideais

 

Data: 25 de novembro de 2015

Horário: 14h30

Local: Auditório

 

Banca Examinadora de QUALIFICAÇÃOde Doutorado

Presidente: Prof.ª Dr.ª Georgete Medleg Rodrigues

Membro Titular: Prof.ª Dr.ª Tereza Cristina Kirschner

Membro Titular: Prof.ª Dr.ª Eliane Braga de Oliveira

Membro Suplente: Prof.º Dr.º Rodrigo Rabello

 

 

Resumo: Os belgas Paul Otlet e Henri La Fonatine, em finais do século XIX, criam o Instituto Internacional de Bibliografia que, para além de criar uma grande fonte de informação universal, foi pioneiro na adoção de novos modos de tratamento dos acervos documentais, sobretudo na Europa e América, inaugurando a concepção de Documentação. Manoel Cícero Peregrino da Silva foi diretor da Biblioteca Nacional brasileira entre os anos de 1900 e 1924, adotando várias mudanças na instituição como a inauguração de um novo prédio, reorganização de seu acervo, criação de novos serviços e, em certa medida, parecendo seguir a trilha de Otlet e La Fontaine. Esta tese busca fazer um inventário das ações de Manoel Cícero Peregrino da Silva e em que medida essas ações contribuíram para a Documentação no Brasil e seu engajamento nos ideais de paz de Paul Otlet e La Fontaine, por meio da análise de sua trajetória como intelectual e de sua atuação na direção da Biblioteca, bem como do contexto político nacional. Trata-se de uma pesquisa quali-quantitativa, histórico-documental, baseada na documentação de diferentes arquivos brasileiros e no arquivo do Mundaneum, na Bélgica. Como referencial teórico, adotamos a concepção de alguns autores sobre o papel dos intelectuais na sociedade, sobre o desenvolvimento da ciência no Brasil e a sociedade brasileira à época. Para compreender os ideais de Paul Otlet e Henri La Fontaine recorremos aos escritos do próprio Otlet, à Mattelart, Rayward, Fayet-Scribe, Blanquet e Wright. Com relação às origens da Documentação no Brasil foram selecionados textos de Oddone, Ortega, Sambaquy, Fonseca e Castro. Como resultados preliminares, percebemos que o papel intelectual de Peregrino da Silva frente à Biblioteca Nacional, fez da instituição um polo para onde confluíam as discussões intelectuais no período, sobretudo pela ausência de universidades no país e que Peregrino, antenado com esses movimentos internacionais, percebe o momento propício da situação política nacional para que suas ideias sejam implementadas.

Palavras-chave:Biblioteca Nacional. Instituto Internacional de Bibliografia. Documentação. Henri La Fontaine. Manoel Cícero Peregrino da Silva. Paul Otlet.

Banca examinadora de qualificação de doutorado do(a) aluno(a) Carita da Silva Sampaio

 

Título: Arquitetura Multimodal da Geoinformação

 

Data: 11/11/2015

Horário: 14h30

Local: Sala 120 FCI

 

Banca examinadora de Qualificação de Doutorado

Presidente: Prof. Dr. Cláudio Gottschalg Duque

Membro Titular: Prof. Dr. Osmar Abilio de Carvalho Júnior

Membro Titular: Prof.ª Dr.ª Ivette Kafure Muñoz

Membro Suplente: Prof.ª Dr.ª Sely Maria de Souza Costa

 

 

Resumo:A busca pela relevância é uma característica básica da cognição humana. Considerando que a leitura de mapas oriundos da produção cartográfica é um processo comunicacional e tem como produto a geoinformação, seus produtores podem explorar a condição da busca pela relevância para aperfeiçoar o atendimento das necessidades de velhos e novos usuários de mapas. Esta proposta de tese fundamenta-se em definiruma abordagem metodológica que possibilite outros instrumentos,além dos já existentes, para a definição das categorias espaciais na construção de mapas com o objetivo de ampliar seu uso a partir de variados tipos de modos. Com a ampliação do universo de usuários de mapas para além de especialistas, a diversificação dos modos apresentados no processo de comunicação cartográfica, tanto na aquisição quanto na utilização, é uma necessidade de investigação científica. Essa investigação tem como modelo conceitual a ciência da informação geográfica,ateoria da relevância (Sperber& Wilson, 1986), partindo do princípio do menor esforço no processo comunicacional e a teoria espacial pós-moderna (Lefebvre, 1976; Soja, 1989) como bases teóricas e os métodos de categorização cognitivae multimodalidade como abordagens conceituais e metodológicas para a construção de uma arquitetura multimodal da geoinformação. O objetivo é apresentar uma metodologia para identificação de um conjunto de modos envolvidos na produção (especialistas) e utilização (usuários) da geoinformação para que os mapas, classificados por finalidades específicas, atendam necessidades relevantes e, portanto, sejam mais úteis. A atual fase da tese apresenta fundamentação teórica incluindo problemática, objetivos, revisão bibliográfica e metodologia, com o insumo de um pré-teste aplicado a três especialistas da geoinformação.

Palavras-chave:teoria da relevância, multimodalidade, categorização cognitiva, geoinformação.

 

Banca examinadora de defesa de relatório intermediário de mestrado da aluna Karla Lustosa de Mello Carvalhal

 

Título: A atividade de produção de informações estratégicas: paralelo entre os princípios de Washington Platt e a gestão comercial das empresas de mídia impressa em Brasília

 

Data:16 de novembro de 2015

Horário: 14h30

Local:

 

Composição da Banca:

Presidente: Prof. Dr. Rogério Henrique de Araújo Júnior

Membro Titular: Prof. Dr. Renato Tarciso Barbosa de Sousa

Membro Titular: Prof. Dr. Eduardo Amadeu Dutra Moresi

Membro Suplente: Prof. Dr. Fernando César Lima Leite

 

 

Resumo:

Trata da aplicabilidade do modelo teórico de produção de informações estratégicas proposto por Washington Platt (1974), no estudo do modo de produção de informações estratégicas no departamento comercial de empresas de mídia impressa em Brasília. Por meio dos princípios da inteligência competitiva e da gestão da informação, a pesquisa utiliza o modelo do referido autor como parâmetro para analisar a realidade do processo de tomada de decisão dos executivos das organizações de mídia com tiragem média mensal de 150 mil exemplares impressos no que tange à produção e uso das informações estratégicas. O estudo propõe como metodologia de investigação a elaboração de um diagnóstico situacional dos processos de produção de informação das empresas selecionadas na amostra e a aplicação de uma entrevista estruturada, a fim de identificar as similaridades e diferenças entre os modelos de produção de informações estratégicas das empresas e os propostos por Washington Platt nos seguintes aspectos: objetivo; simplicidade; unidade e comando; ofensiva; manobra; economia de forças; surpresa e segurança. O pressuposto a ser estudado é se a utilização de um método de produção de informações estratégicas para auxiliar a decisões das organizações: Jornal de Brasília, Jornal da Comunidade e Correio Braziliense, poderá reverter a situação de risco de manutenção do negócio em um mercado em declínio. A pesquisa pretende preencher a lacuna existente de estudos em organizações de mídia impressa, relevantes na Sociedade da Informação sob a ótica da Ciência da Informação.

Palavras-chave:Inteligência Competitiva; Produção de Informações Estratégicas; Processo de Tomada de Decisão; Setor Editorial e Gráfico do Distrito Federal.

Banca examinadora de Relatório Intermediário de Mestrado do(a) aluno(a) Ana flávia Lucas de Faria Kama

 

Título: Bibliotecas universitárias, livros e e-books: aspectos e conseqüências de uma nova forma de leitura

 

Data: 20/11/2015

Horário: 14h30

Local: Sala da pós FCI

 

Banca examinadora de Relatório Intermediário de Mestrado

Presidente: Prof.ª Dr.ª Miriam Paula Manini

Membro Titular: Prof.ª Dr.ª Dulce Maria Baptista

Membro Titular: Prof.ª Dr.ª Nanci Elizabeth Oddone

Membro Suplente: Prof. Dr. Murilo Bastos Cunha

Banca examinadora de defesa de tese de doutorado do aluno JOSE ROBERTO PIMENTA FERRETTI DA COSTA

 

Título: COMPARTILHAMENTO DO CONHECIMENTO TÁCITO NO JUDICIÁRIO FEDERAL: PROPOSIÇÃO DE INDICADOR E MODELO AOS JUIZADOS ESPECIAIS FEDERAIS, SOB A PERSPECTIVA DOS JUÍZES.

 

Data: 04 DE DEZEMBRO DE 2015

Horário: 09h

Local: sala 120

 

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado

Presidente: Prof.ª Dr.ª Lillian Maria de Araújo Rezende Alvares

Membro Titular: Prof. Dr. Aírton José Ruschel

Membro Titular: Prof. Dr. Vallisney de Souza Oliveira

Membro Titular: Prof.ª Dr.ª Elmira Luzia Melo Soares Simeão

Membro Titular: Prof. Dr. Antonio Lisboa Carvalho Miranda

Membro Suplente: Prof. Dr. Renato Tarcisio Barbosa de Sousa

 

Resumo: Sob o contexto de crise do Judiciário, a pesquisa aponta o compartilhamento do conhecimento tácito como fenômeno capaz de inovar as rotinas judiciárias e mitigar tal crise. Ressalta que em uma sociedade do conhecimento há pouco espaço para organizações que não entendam e cuidem do conhecimento tácito como bem estratégico. Aponta ainda a interligação entre desenvolvimento e inovação, com ênfase na criação e no compartilhamento de conhecimento tácito. Nessa busca pelo aprimoramento do Judiciário, a pesquisa traz a figura do juiz como elemento central e transformador das rotinas judiciárias. Para analisar o fenômeno do compartilhamento, o estudo sustenta que há fatores reunidos nas dimensões pessoal, acadêmica, funcional, organizacional e geográfica que podem interferir nessa mobilidade. Propõe, por fim, um modelo de compartilhamento do conhecimento tácito para os Juizados Especiais Federais (JEF), subsistema da Justiça Federal, sob a perspectiva dos juízes, segundo um indicador numérico que se propõe a medir a propensão em compartilhar.

Palavras-chave: Crise. Judiciário. Compartilhamento. Conhecimento tácito. Juiz. Indicador.

Banca examinadora de defesa de tese de doutorado do aluno ERNESTO HENRIQUE RADIS STEINMETZ

 

Título: A contribuição da Arquitetura da Informação na construção e utilização de Ambientes Informacionais Colaborativos de Ensino/Aprendizagem.

 

Data: 14 de dezembro de 2015

Horário: 10h

Local: Auditório FCI

 

Banca examinadora de Qualificação de Doutorado

Presidente: Prof. Dr. Cláudio Gottschalg-Duque

Membro Titular: Profª. Drª. Dulce Maria Baptista

Membro Titular: Prof. Dr. Josué de Sousa Mendes – RIFB/IFB

Membro Titular: Prof. Dr. Fabiano Cavalcanti Fernandes– CTAG/IFB

Membro Titular: Prof. Dr. Eduardo Alentejo – DEPB/UNIRIO

Membro Suplente: Prof. Dr. André Porto Ancona Lopez

 

Resumo: Este trabalho apresenta uma proposta de contribuição da Arquitetura da Informação na construção de Ambientes Informacionais Colaborativos de Ensino/Aprendizagem com a intenção de estabelecer um fluxo de atividades para elaboração, utilização e refinamento destes ambientes, segundo os conceitos e fundamentos da arquitetura da informação e da multimodalidade. Para tanto, foi realizada uma revisão bibliográfica a fim de identificar o estado da arte dos temas envolvidos nesta pesquisa. Após isso, foram identificados estudos sobre a relação entre a ciência da informação, a arquitetura da informação e a multimodalidade, aplicadas em Ambientes Informacionais Colaborativos de Ensino/Aprendizagem, com o objetivo de aumentar a relevância destes ambientes para os estudantes. Foi elaborada uma proposta inicial do fluxo do modelo de arquitetura da informação multimodal aplicados em ambientes Colaborativos de Ensino/Aprendizagem. O método de pesquisa utilizado foi um grupo focal com especialistas nas áreas de educação e arquitetura da informação, que compreende investigação exploratória para avaliar a proposta e formular questões pertinentes que possam contribuir para a evolução da mesma. Ao final, foi elaborada uma proposta uma Arquitetura da Informação que define um fluxo de atividades para construção e utilização de Ambientes Informacionais Colaborativos de Ensino/Aprendizagem, sob a luz dos conceitos da Multimodalidade e da Teoria da Relevância.

Palavras-chave: Ciência da Informação; Arquitetura da Informação; Ambientes Colaborativos de Ensino/Aprendizagem; Multimodalidade; Teoria da Relevância.

Banca examinadora de defesa de qualificação de tese de doutorado do(a) aluno(a) Lauro César Araujo

 

Título: Uma linguagem para formalização de discursos com base em ontologias

 

Data: 5.nov.2015

Horário:15h

Local: Sala da Pós da Graduação

 

Banca examinadora de Defesa de Tese de Doutorado

Presidente: Dr. Mamede Lima-Marques

Membro Externo: Dr. Walter Alexandre Carnielli

Membro Externo: Dr. Giancarlo Guizzardi

Membro Externo: Dr. Antonio Eduardo Costa Pereira

Membro Externo: DR. André Porto Ancona Lopez

Membro Suplente: DR. Flavio Soares Cunha da Silva

 

 

Resumo: Esta pesquisa propõe a arquitetura da informação de uma linguagem formal não visual para representar discursos sobre entidades ontológicas e obter deduções a respeito de ontologias de domínio. Por meio do paradigma de metamodelagem, a linguagem permite tratamento de ontologias heterogêneas que podem ser descritas como instâncias de uma ou mais ontologias de fundamentação. A linguagem suporta comportamentos clássicos e modais sustentados por noções de prova baseadas no paradigma de Programação em Lógica (Modal). O arcabouço modal desenvolvido possibilita que diferentes interpretações modais sejam introduzidas às especificações das ontologias, e contempla especialmente sistemas baseados em lógicas de múltiplos agentes. Uma sistematização do fragmento endurante da UnifiedFoundationalOntology (UFO) é realizada com objetivo de compor parte do marco teórico que fundamenta a proposta e de servir de exemplo de instanciação do arcabouço. Como resultados complementares destacam-se: uma sistematização de um conjunto ampliado de regras para produção de modelos conceituais baseados na UFO; um Glossário detalhado de termos e conceitos da UFO; protótipos funcionais que implementam os sistemas desenvolvidos; traduções das teorias descritas no arcabouço proposto para linguagens visuais, como extensão da representação gráfica da OntoUML; e discussões a respeito da integração de Arquitetura da Informação, modelagem conceitual e configuração da informação no contexto social aplicado.

 

Palavras-chave: Programação em Lógica. Prolog. Lógica Modal. MProlog. Ontologia. UnifiedFoundationalOntology. OntoUML. Arquitetura da Informação.

Banca examinadora de defesa de dissertação de mestrado de mestrado do(a) aluno(a) Ada Suyin Sosa Solano

 

Título: Percepção das mulheres sobre informação em saúde sexual e reprodutiva na cidade Estrutural- Brasília

 

Data: 13 de novembro de 2015

Horário: 9h

Local: Auditório FCI

 

Banca Examinadora de Defesa de Dissertação de Mestrado

Presidente: Prof.ª Dr.ª Elmira Luzia Melo Soares Simeão

Membro Titular: Prof.ª Dr.ª Isa Maria Freire

Membro Titular: Prof. Dr. Antônio Lisboa Carvalho de Miranda

Membro Suplente: Dra. Márcia Marques

 

Resumo: Propõe um estudo que tem como objetivo principal conhecer as percepções das mulheres que não são economicamente favorecidas, com a informação em saúde sexual y reprodutiva, facilitada pelos programas governamentais de Brasília. A pesquisa a ser realizada na Cidade Estrutural tem como metodologia de pesquisa os métodos mistos para o recolho de dados qualitativos e quantitativos. Primeiro se recolhe informações para caracterizar social e demograficamente as mulheres da Cidade Estrutural que participam dos programas de planejamento familiar. Segue com a identificação de onde e de que forma elas se informam, e como percebem a informação que recebem, como parte final se devera identificar as competências informacionais das mulheres com respeito as informações sobre saúde sexual e reprodutiva.

 

Palavras-chave:Acesso à informação em saúde, Competências informacionais, Mulher, Direito à informação, Saúde sexual e reprodutiva