• DSC00710.JPG
  • 60.jpg
  • Imagem 053.jpg
  • 1453457_10200675589886212_614881025_n.jpg
  • 59.jpg
  • 61.jpg
  • 893230_740823862602663_1543125701_o.jpg
  • 50.jpg
  • 3.jpg
  • 999801_10200687786791127_731308374_n.jpg
  • 1477985_10200682015766855_1570540052_n.jpg
  • 540362_10200675577925913_1954543235_n.jpg
  • 12.jpg
  • DSC04248.JPG
  • DSC04256.JPG
  • 1470058_10200677743780058_1088363199_n.jpg
  • 67.jpg
  • 56.jpg
  • 64.jpg
  • 1473063_10200675575245846_70038750_n.jpg
  • 68.jpg
  • 17.jpg
  • 16.jpg
  • 70.jpg
  • 51.jpg
  • 41.JPG
  • 40.JPG
  • 43.JPG
  • 8.jpg
  • 66.jpg
  • 58.jpg
  • 49.jpg
  • 1450196_10200682015126839_1208451305_n.jpg
  • 73.jpg
  • 15.jpg
  • 1459767_10200682011926759_1986721273_n.jpg
  • 28.JPG
  • 524734_10200675585926113_1659256512_n.jpg
  • 9.jpg
  • 29.JPG
  • 65.jpg
  • 1479081_10200675573525803_1497076412_n.jpg
  • 1468811_10200682014006811_991752521_n.jpg
  • 57.jpg
  • 1453279_10200675585486102_39922286_n.jpg
  • 1450889_10200687786991132_124161830_n.jpg
  • 34.JPG
  • 31.JPG
  • 21.jpg
  • 5.jpg
  • 1477661_10200677733779808_269647279_n.jpg
  • 35.JPG
  • 45.jpg
  • DSC04229.JPG
  • 10.jpg
  • DSC04237.JPG
  • DSC00729.JPG
  • 1457621_10200677742740032_825354074_n.jpg
  • 1441518_10200687779430943_1546331559_n.jpg
  • 55.jpg
  • DSC04227.JPG
  • 62.jpg
  • 27.jpg
  • DSC04247.JPG
  • 72.jpg
  • 7.jpg
  • 39.JPG
  • 1455845_10200675590086217_1578562057_n.jpg
  • 52.jpg
  • 1466145_10200682010526724_1440094314_n.jpg
  • 30.JPG
  • 47.jpg
  • 32.JPG
  • 38.JPG
  • 19.jpg
  • 48.jpg
  • DSC_0385.JPG
  • 1465248_10200675591406250_1779427582_n.jpg
  • 1476517_10200677746780133_2023482401_n.jpg
  • 44.jpg
  • DSC04236.JPG
  • 1480685_10200687777710900_1414167125_n.jpg
  • 37.JPG
  • 36.JPG
  • 46.jpg
  • 53.jpg
  • 13.jpg
  • 67971_10200682018966935_1433686035_n.jpg
  • 42.JPG
  • 54.jpg
  • 1493590_614780938593165_2077702540_o.jpg
  • DSC04243.JPG
  • 33.JPG
  • 1011668_10200687776590872_1608491813_n.jpg
  • 1456570_10200677746620129_695607638_n.jpg
  • 63.jpg
  • DSC04226.JPG
  • 1.jpg
  • DSC04241.JPG
  • 71.jpg

Banca examinadora de defesa de tese de Doutorado do(a) aluno(a) Carlos Henrique Juvêncio

Título: Manoel Cícero Peregrino da Silva e a Documentação no Brasil: gênese e ideais.

 

Data: 30/09/2016

Horário: 14:30h

Local: A definir

 

Banca Examinadora de Defesa de Tese de Doutorado

Presidente: Profa. Dra. Georgete Medleg Rodrigues (UnB/PPGCINF)

Membro Titular Externo à Universidade de Brasília: Prof. Dr. Gustavo da Silva Saldanha (PPGCI/ IBICT/UFRJ)

Membro Titular Externo ao PPGCINF: Profa. Dra. Teresa Cristina Kirschner (UnB/PPGHIS)

Membro Titular Interno: Profa. Dra. Eliane Braga de Oliveira (UnB/PPGCINF)

Membro Titular: Prof. Dr. Rodrigo da Silva Rabello (UnB/FCI)

Membro Suplente: Profa. Dra. Giulia Crippa (Faculdade de Filosofia Ciências e Letras USP/Ribeirão Preto)

 

 

 

Resumo: Os belgas Paul Otlet e Henri La Fontaine, em finais do século XIX, criam o Instituto Internacional de Bibliografia que, para além de criar uma grande fonte de informação universal, foi pioneiro na adoção de novos modos de tratamento dos acervos documentais, sobretudo na Europa e nas Américas, inaugurando a concepção de Documentação. Manoel Cícero Peregrino da Silva, diretor da Biblioteca Nacional brasileira entre os anos de 1900 e 1924, adotou várias mudanças na instituição como a inauguração de um novo prédio, reorganização de seu acervo, criação de novos serviços e, em certa medida, pareceu seguir a trilha aberta por Otlet e La Fontaine. Esta tese busca fazer um inventário das ações de Peregrino da Silva e em que medida essas ações contribuíram para a Documentação no Brasil e seu engajamento nos ideais de paz de Paul Otlet e La Fontaine, por meio da análise de sua trajetória como intelectual e de sua atuação na direção da Biblioteca, bem como do contexto político nacional. Trata-se de uma pesquisa quali-quantitativa, histórico-documental, baseada na documentação de diferentes arquivos brasileiros e no arquivo do Mundaneum, na Bélgica. Como referencial teórico, adotamos a concepção de alguns autores sobre o papel dos intelectuais na sociedade, sobre o desenvolvimento da ciência no Brasil e a sociedade brasileira à época. Para compreender os ideais de Paul Otlet e Henri La Fontaine recorremos aos escritos do próprio Otlet, à Mattelart, Rayward, Fayet-Scribe e Blanquet. Com relação às origens da Documentação no Brasil foram selecionados textos de Oddone, Ortega, Sambaquy, Fonseca e Castro. Como conclusão, constatamos que: a) o papel intelectual de Peregrino da Silva frente à Biblioteca Nacional fez da instituição um polo para onde confluíam as discussões intelectuais no período; b) várias das ideias de Paul Otlet e Henri La Fontaine foram postas em prática na Biblioteca Nacional e que esta foi a primeira instituição a adotar as práticas documentalistas no tratamento de seu acervo e no desenvolvimento de seus produtos e serviços; c) Peregrino da Silva foi pioneiro no  entendimento e aplicação das técnicas da Documentação no país.

 

 

 

Palavras-chave: Biblioteca Nacional. Documentação. Instituto Internacional de Bibliografia. Henri La Fontaine. Manoel Cícero Peregrino da Silva. Paul Otlet.