• 20160830_090216.jpg
  • 20160830_085747.jpg
  • 20160830_085830.jpg
  • 20160830_090251.jpg
  • 20160830_085847.jpg

Defesa de Doutorado

 

Título: Fatores que influenciam a comunicação de dados de pesquisa sobre o vírus da zika, na perspectiva de pesquisadores.

 

Aluna: Michelli Pereira da Costa

Data: 13/02/2017

Horário: 14h

Local: 120

Banca Examinadora

Presidente: Prof. Dr. Fernando César Lima Leite (UnB)

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Drª Patrícia Rocha Bello Bertin (Embrapa)

Membro Titular Externo ao PPGCInf: Profa Dra. Ana Valéria Machado Mendonça (PPGSC UnB)

Membro Titular: Profª. Drª Sely Maria de Souza Costa (PPGCINF UnB)

Membro Titular: Profª. Drª Rosemeire Barbosa Tavares (PPGCINF UnB)

Membro Suplente: Drª Marília Augusta de Freitas (BCE UnB)

 

Resumo:

O estudo teve por objetivo propor modelo teórico que ilustra os fatores que exercem influência na comunicação dos dados de pesquisa sobre as doenças causadas pelo vírus da zika. A discussão foi fundamentada em perspectivas teóricas da ciência da informação, no contexto teórico em que se insere a discussão a respeito das doenças emergentes, bem como nos princípios relacionados à comunicação dos dados de pesquisa. A pesquisa é de natureza qualitativa e pressuposto filosófico ontológico. Para a coleta e análise de dados foram utilizadas as estratégias relacionadas à Revisão Sistematizada da Literatura e da Teoria Fundamentada. Ambas estratégias permitiram alcançar sete categorias teóricas que representam os fatores intervenientes na comunicação dos dados de pesquisa sobre o vírus da zika. A relação entre as categorias, evidenciada pelos dados das entrevistas e pelas categorias preliminares resultaram em uma teoria substantiva acerca do fenômeno. A teoria emergente evidencia a centralidade da expectativa de reconhecimento e recompensas dos pesquisadores, ponderada pelos aspectos relacionados ao financiamento da pesquisa e da cultura acadêmica. Os três fatores exercem influencia sobre os macroprocessos da comunicação dos dados de pesquisa, a saber, o uso, a produção e a disseminação dos dados. Entre os processos de uso e produção sobressaltaram-se os fatores relacionados a colaboração. Já entres os processos de produção e disseminação revelaram-se os fatores relacionados ao tratamento dos dados e ao uso de repositórios de dados de pesquisa. Por fim, a disseminação e a possibilidade de reuso dos dados é afetado diretamente pelo contexto social do vírus da zika como uma doença emergente.